Tarde de São João, 1959.

alberto-da-veiga-guignard-tarde-de-sao-joao-1959-oleo-sobre-tela-30-x-40-cm

Alberto da Veiga Guignard. Tarde de São João, 1959, Óleo sobre tela. 30 x 40 cm.

Na obra Tarde de São João, Guignard pinta um grupo de pesso­as em escala muito reduzida reunido em torno de uma fogueira onde estão prestes a soltar um balão. A fumaça densa que sai da fogueira deixa branca toda a superfície do quadro misturando com névoas e nuvens. A ação se inicia com o balão que ilumina toda a cena como campos de luz e cor.

De todas as igrejas representadas no quadro uma merece destaque, seja porque está situada na base do quadro, ou pelo tamanho que ga­nha destaque em comparação aos outros objetos do mesmo plano. Note que esta é também a única decorada com bandeirolas típicas das festas de São João. A capacidade de Guignard está no estabelecimento do diálogo contínuo entre o real e o imaginário, o próximo e o distante, o universal e o regional. As igrejas e os balões flutuam e parecem prestes a se despencar nessas montanhas sem estruturas.

Para saber mais: VIVAS,Rodrigo. Por uma História da Arte em Belo Horizonte: Artistas, exposições e salões de arte. Belo Horizonte: C/ Arte, 2012. 248 p.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s