Biografia

Raul Córdula Filho (Campina Grande, PB, 1943). Pintor, artista gráfico, cenógrafo, professor, crítico de arte. Começa a pintar em 1958, orientado pelo amigo Flávio Bezerra de Carvalho. Em 1959, ilustra poesias da Geração 59, grupo de poetas paraibanos que edita o suplemento literário A União nas Letras e nas Artes.

No início da década de 1960, viaja para o Rio de Janeiro e estuda história da arte no Instituto de Belas Artes e técnica em pintura no Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro – MAM/RJ, onde é aluno de Domenico Lazzarini (1920 – 1987). Entre 1963 e 1965 é supervisor do setor de artes plásticas da Universidade Federal da Paraíba – UFPB.

Atua como cenógrafo em várias emissoras de televisão, entre 1965 e 1972. Em 1967, torna-se diretor do Museu de Arte Assis Chateaubriand de Campina Grande – Maac. Idealiza, em 1977, o Núcleo de Arte Popular e Artesanato – NAP, da Casa de Cultura de Pernambuco, no Recife. Entre 1978 e 1985, é coordenador do Núcleo de Arte Contemporânea da UFPB. Leciona história da arte e fundamentos da linguagem visual nos cursos de educação artística e arquitetura e urbanismo do Departamento de Artes da UFPB entre 1978 e 1988. É contratado pelo Museu de Arte da Moderna da Bahia – MAM/BA para coordenar a implantação do Salão MAM-Bahia de Artes Plásticas, em 1994. Torna-se diretor de desenvolvimento artístico e cultural da Fundação Espaço Cultural da Paraíba – Funesc entre 1997 e 1998.

linha-divisoria

Disponível em: Enciclopédia Itaú Cultural

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s